Sorrisos que me derretem!

7.11.14
Não sou uma pessoa de acordar tarde, mas também não adoro levantar cedo! É ali um meio termo. Um meio algures entre as 8 e as 9. Nem sempre é de todo possível, como é óbvio. 
Mas agora... agora tenho algo que seja a que horas for, seja com que sono for, seja com que disposição eu estiver, esse "algo" faz com que acordar tenha outro sabor.
Esse "algo" é óbvio que se chama Carminho!
Quando, seja a que horas for, ouço aquele "mãe" meio ensonado levanto-me de imediato cheia de vontade, pois sei que quando entrar naquele quarto vou ter o sorriso mais querido, mais "dengoso", mais sincero possível!
Deito-me ao lado dela e ainda com aquele sorriso na cara, abraça-me e dá-me beijinhos e ali ficamos as duas. Podem ser só 5 ou 10 minutos (porque ao fim desse tempo já se quer levantar, brincar, correr), mas são os melhores 5 ou 10 minutos do meu dia! Do nosso dia! O nosso tempo de mimos, de preguiça.
Obrigada Carminho por fazer a minha vida tão mais feliz, tão mais preenchida!

Sem comentários:

Enviar um comentário